CRISTO COMO SENHOR DO SÁBADO

A verdadeira observância do sábado se fundamenta em uma vida santificada pela graça de Cristo (Ez 20:11, 20); pois, “a fim de santificar o sábado, os homens precisam ser santos” (O Desejado de Todas as Nações, p. 283).

Um de nossos papéis como Igreja é esclarecer o verdadeiro papel do Sábado na estratégia de Satanás para levar os cristãos à perdição, entretanto, esta ênfase não deve fazer com que nos esqueçamos de que nós mesmos devemos, em nosso interior, guardar apropriadamente o Dia Santo do Senhor.

Sábado_AllVerso Áureo da lição 5:

“E disse-lhes: O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado. Assim o Filho do homem até do sábado é Senhor.” Marcos 2:27-28

Apesar de estarmos contínuamente reexplicando o papel do Sábado no contexto do tempo do fim, reafirmando a confirmação de sua guarda por Cristo Jesus nos evangelhos e a sua obediência como sinal diferencial no caminho da salvação, um dos mais esclarecedores textos do Antigo Testamento sobre o Sábado encontra-se no capítulo 20 de Ezequiel:

“E dei-lhes os meus estatutos e lhes mostrei os meus juízos, os quais, cumprindo-os o homem, viverá por eles. E também lhes dei os meus sábados, para que servissem de sinal entre mim e eles; para que soubessem que eu sou o Senhor que os santifica. Mas a casa de Israel se rebelou contra mim no deserto, não andando nos meus estatutos, e rejeitando os meus juízos, os quais, cumprindo-os, o homem viverá por eles; e profanaram grandemente os meus sábados; e eu disse que derramaria sobre eles o meu furor no deserto, para os consumir. O que fiz, porém, foi por amor do meu nome, para que não fosse profanado diante dos olhos dos gentios perante a vista dos quais os fiz sair. E, contudo, eu levantei a minha mão para eles no deserto, para não os deixar entrar na terra que lhes tinha dado, a qual mana leite e mel, e é a glória de todas as terras; Porque rejeitaram os meus juízos, e não andaram nos meus estatutos, e profanaram os meus sábados; porque o seu coração andava após os seus ídolos. Não obstante o meu olho lhes perdoou, e eu não os destruí nem os consumi no deserto. Mas disse eu a seus filhos no deserto: Não andeis nos estatutos de vossos pais, nem guardeis os seus juízos, nem vos contamineis com os seus ídolos. Eu sou o Senhor vosso Deus; andai nos meus estatutos, e guardai os meus juízos, e executai-os. E santificai os meus sábados, e servirão de sinal entre mim e vós, para que saibais que eu sou o Senhor vosso Deus.”

Ezequiel 20:11-20

 

De acordo com o verso áureo, Jesus é o Senhor do sábado porque Ele criou este dia, ver Gênesis 2:2, e deu-o como mandamento escrito no Sinai. Ver Êxodo 20, e o ratificou com Sua vida aqui neste mundo. O sábado não foi dado apenas ao povo Judeu, foi dado à toda a humanidade como um incentivo à gratidão e a união entre a criatura e o Criador. Os judeus existiram somente após Abraão, que viveu em torno do ano 2000 antes de Cristo, e o sábado foi dado na criação: “E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera. Gênesis 2:2-3. Quando os judeus surgiram, eles receberam os 10 mandamentos, e não só o sábado, de forma verbal. Foi só na época de Moisés, 500 anos depois de Abraão, que Deus resolveu escrever os mandamentos em tábuas de pedras, pois o povo estava se esquecendo deles e caindo em apostasia.

fabiodeps@gmail.com

Anúncios

, , , , , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • ” Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.” Apocalipse 1:3

  • “Não desprezeis as profecias; julgai todas as coisas, retende o que é bom.” 1 Tessalonicenses 5:20-21.

  • "Conservai-vos a vós mesmos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.
    E apiedai-vos de alguns, usando de discernimento;
    E salvai alguns com temor, arrebatando-os do fogo, odiando até a túnica manchada da carne."
    Judas 1:21-23

%d blogueiros gostam disto: