Como Funciona a Igreja – Unidade, Estrutura e Autoridade (Parte 3)

Publicado em:
Revista Adventist World Portuguese   –   http://portuguese.adventistworld.org/

comoFunc-3Deus dirigiu o estabelecimento e a organização da Igreja Adventista. Embora o movimento tenha iniciado com um pequeno grupo de crentes que “buscaram a verdade como a um tesouro escondido”1, no ano em que a Associação Geral foi oficialmente organizada, 1863, o número de membros já havia crescido rapidamente para vários milhares. À medida que a Igreja continuava crescendo, sua estrutura também crescia com a finalidade de que “a ordem e a ação harmoniosa se pudessem manter”.2

A organização da Igreja não foi realizada de modo súbito, mas construída com muito cuidado e oração à medida que Deus providenciava sabedoria e direção por meio das Escrituras e do dom profético.

Nossa organização existe como um sistema de serviço, mantendo a ordem e a ação harmoniosa enquanto a Igreja avança na missão dada por Deus de proclamar Sua verdade nos últimos dias. Esse é um sistema representativo onde nenhum líder ou grupo de líderes ditam isoladamente as normas, ações ou atividades da igreja.

Considerando que cada nível da Igreja trabalha em harmonia com todos os outros níveis, as iniciativas podem vir de qualquer um deles e são analisadas e estudadas nas comissões correspondentes. Às vezes, as iniciativas começam na base e se tornam parte das praxes. Nosso sistema é dinâmico. Nesta organização, todos os membros de igreja têm voz ativa.

A Importância da Igreja Local

O papel da igreja local é absolutamente decisivo. Ela nos estimula e ajuda a proteger nossos ensinos e práticas. Uma igreja local sólida é a chave para a plataforma sólida da Igreja Adventista. Se você tem dúvidas não olhe simplesmente para a Associação Geral, pensando: “Eles farão o possível para dar tudo certo.” A fidelidade para com nossa mensagem e missão começa na igreja local. Pela graça de Deus, participe da vida e da missão da igreja que você frequenta.

Uma das suas primeiras responsabilidades é orar por sua igreja: pelo pastor, pelos anciãos eleitos e pela missão evangelística. Participe do processo e seja ativo. Envolva-se. Tenha em mente que você pode exercer grande influência não apenas em reuniões públicas, mas também nas particulares com os principais líderes. Se você sente o desejo de fazer algo, procure seu pastor ou ancião; converse com o diretor do departamento em questão; fale com os que estão envolvidos e que fazem as coisas acontecerem.

Siga uma linha de abordagem cuidadosa e metódica. Se você não está satisfeito em um nível, siga para o próximo. Todos devem ser parte do processo. A Igreja Adventista, em qualquer nível, não exerce o autoritarismo de cima para baixo, onde apenas poucas pessoas decidem o que vai acontecer.

Quando você abre o coração em um ambiente pessoal, o Espírito Santo pode ajudar a influenciar um líder. Nunca pense que um e-mail ou uma simples conversa não cause nenhum efeito sobre a pessoa com quem está falando. Sei que faz. Muitas vezes os e-mails que recebo e as conversas pessoais com outros têm me afetado.

Um Conjunto Harmonioso

Trabalhe em espírito de oração, pautado pela Palavra de Deus e pelos conselhos do Espírito de Profecia. Lembre-se de que, tanto quanto possível, nossa Igreja trabalha na base do consenso. Não há razão para criarmos barreiras ou discordarmos reiteradamente uns dos outros; essa não é a maneira como Deus deseja que a igreja trabalhe. Às vezes, temos que votar para descobrir como o grupo todo está alinhado, mas, geralmente, a melhor maneira de abordar os desafios é de joelhos, com intenso estudo da Bíblia e pedindo a ajuda do Espírito Santo. Quando uma decisão precisa ser tomada, a votação acontece sob a direção de Deus. Usamos esse sistema efetivamente em todos os níveis da organização.

Algumas pessoas podem criticar a estrutura da Igreja como sendo duplicada em diferentes níveis e desnecessária neste tempo de abordagem administrativa simples.

Quando servi na Divisão Euro-Asiática como presidente, vi o grande valor da estrutura organizacional de nossa Igreja, onde problemas locais são resolvidos em nível da Associação local. Itens de maiores consequências são levados à União – nível regional. Os itens ainda maiores são levados para a Divisão e, às vezes, passados adiante para a Associação Geral. Finalmente, questões de natureza global são levadas à assembleia da Associação Geral, onde, mais de dois mil representantes da Igreja, do mundo todo, discutem e votam essas questões.

Levamos muito a sério essa forma representativa de administração, e é dito que “quando numa assembleia geral, é exercido o juízo dos irmãos reunidos de todas as partes do campo, independência e juízo particulares não devem obstinadamente ser mantidos, mas renunciados […] Deus ordenou que os representantes de Sua igreja de todas as partes da Terra, quando reunidos numa Assembleia Geral, devem ter autoridade. O erro que alguns estão em perigo de cometer é dar à opinião e ao juízo de um homem, ou de um pequeno grupo de homens, a plena medida de juízo e voz da Associação Geral reunida para fazer planos para a prosperidade e avançamento de Sua obra.”3

A organização nos foi dada com o objetivo de ser uma salvaguarda, para que nenhum indivíduo ou pequeno grupo possa influenciar indevidamente a igreja de Deus e sua missão. Ela possibilita que todos os membros tenham voz e influência na missão da igreja, de maneira que “tudo seja feito com decência e ordem” (1Co 14:40). A Bíblia está repleta de princípios sobre relação interpessoal, organização, administração e instrução sobre como realizar a missão de Deus.

Reforçando esse tema, a maior parte dos conselhos do Espírito de Profecia discorre sobre a maneira de levarmos avante a missão da igreja. Ao nos unirmos, seguindo o maravilhoso plano de organização e unidade dado por Deus à Sua igreja, avancemos juntos rumo à finalização da missão que Ele nos confiou.

1 Ellen G. White, Testemunhos para Ministros, p. 24.
2 Ellen G. White, Atos dos Apóstolos, p. 92.
3 Ellen G. White, Testemunhos para a Igreja, v. 9, p. 260, 261.

Ted N. C. Wilson é presidente mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

 

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • ” Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.” Apocalipse 1:3

  • “Não desprezeis as profecias; julgai todas as coisas, retende o que é bom.” 1 Tessalonicenses 5:20-21.

  • "Conservai-vos a vós mesmos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.
    E apiedai-vos de alguns, usando de discernimento;
    E salvai alguns com temor, arrebatando-os do fogo, odiando até a túnica manchada da carne."
    Judas 1:21-23

%d blogueiros gostam disto: