“Quebrando o Silêncio” em Porto Seguro – Bahia

(Veja galeria de fotos no fim da notícia.) Lançada em toda a América Latina “Quebrando o Silêncio”  é uma campanha da Igreja Adventista do Sétimo Dia que promove ações contra a violência na família, escola e comunidade. Em Porto Seguro, Bahia, neste sábado 25 de agosto, houve grande encontro no Centro de Cultura com palestras de diversas autoridades da região e do município para incentivar a identificação, denúncia e prevenção deste casos de violência.
Presentes à mesa como palestrantes tivemos: 
Advogada Dra. Cintia Lisboa Gonçalves , Assistentes sociais Sueli Rodrigues do NASF e Debora Catarina do CREAS, Dr. Sinésio Vieira Júnior delegado de Porto Seguro e o Advogado Antonio Apostolo, presidente da OAB de Eunápolis.
Aos estudantes que participaram , foi concedido certificado de participação para motivar a luta contra todo tipo de violência. A cada ano a campanha ganha uma ênfase especial e a deste ano é ajudar na superação dos traumas da violência para que mulheres, adolescentes, crianças e idosos, que são as maiores vítimas desse mal, consigam viver bem com familiares e amigos.

Dr. Sinésio Vieira Júnior delegado de Porto Seguro em palestra para participantes da campanha “Quebrando o Silêncio”

“A violência é crime! Nenhuma vítima é capaz de se esquecer disso. Mas um ambiente acolhedor, receptivo e, acima de tudo, humano pode ajudá-la a superar” as consequências dos maus-tratos. Você pode fazer a diferença, abrindo caminho para a superação. O primeiro passo é quebrar o silêncio, buscar ou oferecer ajuda. Quebre o silêncio!  Toda e qualquer forma de violência deve ser coibida pelo Estado, repelida pela sociedade e combatida pela família, principalmente se o agredido for um menor, incapaz de se defender. O que podemos fazer? A ética cristã ensina a receita da convivência ideal: “Façam aos outros o que querem que eles lhes façam” (Mateus 7:12, NVI). Em muitos países, leis são sancionadas visando a proteger de agressores e da negligência, mulheres, crianças e idosos. Autoridades trabalham para minimizar esses males e ONGs atuam em programas de proteção. Há oito anos, a Igreja Adventista desenvolve a campanha Quebrando o Silêncio para prevenir, educar e combater todas as formas de violência doméstica. O momento é de unir forças e apresentar um posicionamento firme.

ANTÔNIO APOSTOLO DE LIMA – Presidente da OAB EUNÁPOLIS- Ba


Orientações por meio de órgãos competentes como: delegacias de polícia e da  mulher, conselho tutelar, disque 100, ligue 180, são maneiras de encontrar segurança e apoio para a superação de traumas. Se você conhece alguém que está sofrendo abuso, e tem medo, ou mesmo sente vergonha de ir a uma delegacia sozinha, coloque-se à disposição para acompanhar essa pessoa.
Seu ato poderá salvar uma vida. Se um amigo ou vizinho está sofrendo algum tipo de abuso e não tem forças para reagir e busca em você auxílio, estenda a mão, oriente-o na busca de profissionais que possam ajudá-lo.

Anúncios

, , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • ” Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.” Apocalipse 1:3

  • “Não desprezeis as profecias; julgai todas as coisas, retende o que é bom.” 1 Tessalonicenses 5:20-21.

  • "Conservai-vos a vós mesmos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.
    E apiedai-vos de alguns, usando de discernimento;
    E salvai alguns com temor, arrebatando-os do fogo, odiando até a túnica manchada da carne."
    Judas 1:21-23

%d blogueiros gostam disto: