Pastor é proibido de exibir “mensagens antigays” em sua igreja

Ministro da Igreja batista australiana sofre criticas e acusação de incitar o ódio.

Trevor Walmsley

O pastor batista Trevor Walmsley tem despertado a ira pública na Austrália por causa das mensagens contrárias ao estilo de vida gay que exibe em frente de sua igreja.
Uma espécie de painel eletrônico colocado em frente à igreja, na cidade de Hamilton, exibia duas frases que têm lhe gerado muitas acusações de homofobia e incitação ao ódio.
A primeira diz: “Você só está aqui porque Deus criou Adão e Eva, não Adão e Ivo”, enquanto a outra afirma: “Nenhum de nós deve sua existência a duas pessoas do mesmo sexo”.
O pastor se defende das reclamações dos vizinhos e organizações australianas pró-gay. Ele reafirma que tem o direito a uma opinião. “Suponho que elas [as frases] são um pouco controversas, mas eu apenas disse que sou a favor do matrimônio tradicional”.
“Eu não posso falar em nome de toda a minha denominação, mas pessoalmente e, provavelmente, toda a nossa igreja, gostaria que ficássemos apenas com a definição tradicional de casamento, um homem e uma mulher, excluindo todas as outras possibilidades… Como seguidores de Jesus, que amou as pessoas que não eram amadas pela sociedade, somos chamados a fazer o mesmo. Mas descordar do que as outras pessoas acreditam que não significa necessariamente que não as amamos”.
Porém, a onda de críticas fez com que o porta-voz da Missão Batista Australiana, pastor Rod Benson se posicionasse contrário à decisão do colega.
“Essa é uma declaração infantil e tem sido há décadas. É lamentável que uma das nossas igrejas batistas opte por escrever uma declaração desse tipo e colocá-la do lado de fora. Isso envia a mensagem errada. Queremos tratar todas as pessoas, sem exceção, com respeito e não é útil ao debate sobre a validade do casamento gay termos esses tipos de slogans infantis exibidos em nossas igrejas.”
Um comunicado divulgado em junho pela Missão Batista Australiana, afirmou: “Por mais de 400 anos, os batistas reconheceram a Bíblia como a autoridade suprema em todas as questões de fé e conduta. A Bíblia ensina que o único contexto apropriado para a relação sexual é entre um homem e uma mulher que são casados entre si. Aqueles que argumentam em contrário, se afastaram da ética bíblica e uma compreensão autêntica Batista do casamento”.
A Austrália, como vários países do mundo, tem debatido novas leis que protegem os homossexuais e garante aos casais gays os mesmo direitos de casais heterossexuais, incluindo o reconhecimento do casamento.
Traduzido de Catch The Fire e News.au

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • ” Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.” Apocalipse 1:3

  • “Não desprezeis as profecias; julgai todas as coisas, retende o que é bom.” 1 Tessalonicenses 5:20-21.

  • "Conservai-vos a vós mesmos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.
    E apiedai-vos de alguns, usando de discernimento;
    E salvai alguns com temor, arrebatando-os do fogo, odiando até a túnica manchada da carne."
    Judas 1:21-23

%d blogueiros gostam disto: